SUPERFÍCIE DE IMPLANTE: UM MÉTODO CONTEMPORÂNEO

Authors

  • FLÁVIA MAZO GÓIS ORTIZ
  • RENATO VICTOR DE OLIVEIRA

Abstract

O objetivo desse estudo é apresentar os diferentes métodos
no tratamento da superfície de implantes com associação
de técnicas que podem trazer vantagens na osseointegração
do implante com o osso, fazendo com que o tempo cirúrgico
se torne menor e a aderência do osso com o implante seja
mais rápida, fazendo com que ocorra também a coagulação
que é um fator importante para a migração de células para
se ter a osseointegração e demonstrar através de um relato
de caso clinico onde foi utilizado implantes com superfície
tratada (SLA Active, Straumann) na reabilitação de uma
maxila que recebeu anteriormente enxertia de crista ilíaca,
e foram instalados 8 implantes para que receber uma prótese
metalocerâmica segmentada, sendo feita a reabertura e
o molde após 21 dias de espera da instalação dos implantes,
constatando a eficácia e os benefícios do material.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2017-01-10

How to Cite

ORTIZ, F. M. G., & DE OLIVEIRA, R. V. (2017). SUPERFÍCIE DE IMPLANTE: UM MÉTODO CONTEMPORÂNEO. Uningá Review, 29(1). Retrieved from https://revista.uninga.br/uningareviews/article/view/1929