INFLUÊNCIA DO DIÂMETRO DO FOLÍCULO PRÉ OVULATÓRIO SOBRE A TAXA DE PRENHEZ DE VACAS SUBMETIDAS À IATF

Authors

  • MURILO CAVICCHIOLI
  • MATHEUS HENRIQUE LIMA DE SOUZA
  • CLESSIANE VALERIA SOUZA LIMA
  • FELIPE BALDUINO GIMENES
  • ENIUCE MENEZES DE SOUZA
  • GUSTAVO ROMERO GONÇALVES

Keywords:

Biotecnologia, Inseminação artificial, Reprodução em bovinos

Abstract

A inseminação artificial em tempo fixo (IATF) é uma biotecnologia reprodutiva utilizada para melhorar o desempenho dos rebanhos através do uso de protocolos hormonais. A técnica permite induzir a ciclicidade de vacas em anestro, além de eliminar a observação de cio, que tem sido um grande obstáculo para o crescimento da IATF. Um ponto importante na taxa de concepção das vacas é o tamanho do folículo ovulatório. O objetivo deste trabalho foi confirmar a existência da correlação entre o diâmetro folicular e a taxa de concepção das vacas. Para tanto, foram utilizados 30 animais de três padrões raciais, entre eles, Nelore, Purunã e Cruzado. A mensuração do diâmetro folicular foi feita através do exame de ultrassonografia transretal logo antes do procedimento de inseminação. Trinta dias após a IATF foi realizado o diagnóstico de gestação por palpação retal e ultrassonografia transretal. Os animais foram divididos em dois grupos (G1= <10 mm e G2= >10 mm) e submetidos à análise estatística a partir do uso do programa R e execução do teste exato de Fisher. A taxa de prenhez foi de 53,33%, dentre esta, 13,33% para o G1 e 40% para o G2, além de observar uma tendência da influência do diâmetro folicular sobre a taxa de prenhez dos animais avaliados (p=0,056). Evidenciou-se também que o uso de GnRH em vacas que não demonstraram cio (n=7) no dia da IATF (D10) favoreceu a prenhez (100%). Sendo assim, o presente estudo sugere que tal influência pode existir, porém, a padronização dos lotes, das raças e quantidade de animais, assim como demonstrado por outros trabalhos, são fatores que podem influenciar sobre os resultados dos dados encontrados. Nota-se também que uso do GnRh se demonstra benéfico em programas de IATF para aqueles animais que não demonstram cio.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2019-09-24

How to Cite

CAVICCHIOLI, M., SOUZA, M. H. L. D., LIMA, C. V. S., GIMENES, F. B., SOUZA, E. M. D., & GONÇALVES, G. R. (2019). INFLUÊNCIA DO DIÂMETRO DO FOLÍCULO PRÉ OVULATÓRIO SOBRE A TAXA DE PRENHEZ DE VACAS SUBMETIDAS À IATF. Uningá Review, 34(S1), 15. Retrieved from https://revista.uninga.br/uningareviews/article/view/3061

Most read articles by the same author(s)

Similar Articles

You may also start an advanced similarity search for this article.