ABORDAGEM FARMACOLÓGICA NA DOR FANTASMA: UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

  • Freddy Augusto Borgo UNINGA
  • Julyanna Hyczy Kaminski
  • Michelly Saruwatari Miyagusuku
  • Orlando C. G. Colhado

Resumo

Justificativa: Dor no membro fantasma é a consciência de dor na extremidade amputada, é uma sequela comum e significativa de dor crônica de difícil tratamento, onde sua terapia deve ser individualizada.
Objetivos: O presente estudo, fundamentado em dados da literatura, tem o propósito de reunir os tratamentos indicados da síndrome dolorosa conhecida como dor fantasma.
Método: Fez-se uma revisão de literatura em que foram selecionados artigos científicos nas bases de dados Medline, Lilacs e Pubmed publicados entre 1999 a 2017, em português e inglês. Foram enumeradas 21 publicações.
Resultados: A fisiopatologia das dores no coto e no membro fantasma não está totalmente compreendida, acredita-se que tanto mecanismo periférico quanto central contribui para os quadros de dor. Diretrizes de tratamento ainda estão por evoluir empregando abordagens medicamentosas e multidisciplinares.
Conclusão: A dor no membro fantasma continua sendo prevalente. Seus tratamentos são baseados em mecanismos específicos e ainda estão em andamento sendo a maioria recomendações para dores neuropáticas. 
Publicado
2019-06-02
Como Citar
BORGO, Freddy Augusto et al. ABORDAGEM FARMACOLÓGICA NA DOR FANTASMA: UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA. REVISTA UNINGÁ, [S.l.], v. 56, n. 2, p. 109-114, jun. 2019. ISSN 2318-0579. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uninga/article/view/2718>. Acesso em: 18 jun. 2019.
Seção
Artigos