ESTRESSE MATERNO E A RELAÇÃO ENTRE CRIANÇAS COM TRANSTORNO DE DÉFICIT DE ATENÇÃO E HIPERATIVIDADE

Authors

  • ANDREA ZACCARO GOMES
  • ELIZANGELA MOREIRA CARETA GALINDO
  • GABRIELA RODRIGUES BRAGAGNOLLO
  • JUCELI ANDRADE PAIVA MORERO
  • MARIA TEREZA SIGNORINI SANTOS

Abstract

Um dos principais transtornos neuropsicológico da infância
é o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade. Estudos
indicam alto nível de estresse de pais no acompanhamento
de crianças na faixa dos três aos seis anos de
idade. O objetivo do estudo é fazer uma revisão crítica da
literatura referente a estresse materno e o transtorno do
déficit de atenção e hiperatividade em crianças buscando
apontar diretrizes que possam servir de orientações e intervenções
para a melhor adaptação da criança às diversas
mudanças que se depara ao longo da vida, bem como reduzir
fatores potenciais de estresse materno. O presente estudo
trata-se de uma Revisão Sistemática Integrativa da literatura,
tendo como base as pesquisas básicas, de modo a responder
às questões da pesquisa. O resultado deste estudo foi
a relação entre crianças com TDAH com níveis graves de
desatenção de desatenção e hiperatividade/impulsividade,
mostrarem maior instabilidade emocional, agressividade e
dificuldade de funcionamento executivo, altos níveis de
estresse de pais, foram associados com alto nível de sintoma
de desatenção e hiperatividade/ impulsividade. Concluímos
que há uma escassez de estudos na área, onde identificamos
uma grande necessidade de orientações e auxílio a pais de
crianças com transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2017-01-20

How to Cite

GOMES, A. Z., GALINDO, E. M. C., BRAGAGNOLLO, G. R., MORERO, J. A. P., & SANTOS, M. T. S. (2017). ESTRESSE MATERNO E A RELAÇÃO ENTRE CRIANÇAS COM TRANSTORNO DE DÉFICIT DE ATENÇÃO E HIPERATIVIDADE. Revista Uningá, 51(1). Retrieved from https://revista.uninga.br/uninga/article/view/1341