Staphylococcus aureus E AS INFECÇÕES HOSPITALARES – REVISÃO DE LITERATURA

  • MAÍRA FERREIRA PINTO LIMA
  • MILKA AZEVEDO BORGES
  • RAFAEL SANTOS PARENTE
  • RENAN CALDEIRA VICTÓRIA JÚNIOR
  • MARIA EMÍLIA DE OLIVEIRA

Resumo

A bactéria Staphylococcus aureus, encontrada na microbiotahumana, em determinadas circunstâncias pode provocarde simples infecções até as mais graves infecções, sendoconsiderada a mais virulenta do seu gênero. Sua enormecapacidade de adaptação e resistência à maioria dos antimicrobianoscolocou-a atualmente entre as espécies demaior importância nas infecções nosocomiais. A quantidadedas infecções nosocomiais cresce a cada dia no país, gerandoum custo de tratamento três vezes maior que os pacientessem infecção, sendo definidas pelo Ministério da Saúdecomo infecções adquiridas após a admissão do paciente naunidade hospitalar e que se manifestam durante a internaçãoou após a alta, quando puderem ser relacionadas com ainternação ou procedimentos hospitalares. Este artigo éuma revisão bibliográfica dos últimos cinco anos, baseadanas principais bibliotecas eletrônicas e banco de dados domundo sobre o Staphylococcus aureus, com os objetivos deatualizar os profissionais de saúde e identificar a importânciada sua forma meticilina resistente nas infecções nosocomiais.São também abordados o custo humano e financeiroe as medidas de prevenção contra esse agente, visandoressaltar a necessidade da criação de novos antibióticos ede investimento em novas pesquisas.
Publicado
2015-01-12
Como Citar
LIMA, MAÍRA FERREIRA PINTO et al. Staphylococcus aureus E AS INFECÇÕES HOSPITALARES – REVISÃO DE LITERATURA. REVISTA UNINGÁ REVIEW, [S.l.], v. 21, n. 1, jan. 2015. ISSN 2178-2571. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uningareviews/article/view/1616>. Acesso em: 30 nov. 2021.