CUIDADOS DE ENFERMAGEM A PESSOA COM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA: REVISÃO DE LITERATURA

Resumo

O Transtorno do Espectro Autista é predominante em crianças e se apresenta, no Brasil, com a frequência de 1 em cada 68 indivíduos. No ano de 2016, foram realizados 63.000 atendimentos de crianças autistas no estado do Paraná, tornando-se fundamental que os profissionais estejam capacitados para atender os pacientes, realizando diagnósticos prévios para o tratamento mais eficaz. O objetivo deste estudo é analisar a produção científica relacionada a assistência de enfermagem e multiprofissional a pessoas com Transtorno do Espectro Autista. Trata-se de uma revisão de literatura, utilizando como critérios de inclusão artigos em português relacionados à temática abordada, publicados no ano de 2007 a 2017, encontrados nas bases de dados Scientific Electronic Library Online, Biblioteca Virtual em Saúde e Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Para analise os artigos selecionados foram agrupados em quatro categorias; a primeira: Estratégias de Educação em Saúde; a segunda: Compreensão multiprofissional da realidade; a terceira: Percepção dos enfermeiros sobre o Transtorno do Espectro Autista; quarta: Cuidados de enfermagem na assistência ao paciente e utilização de processos de enfermagem. Pode-se constatar que os profissionais possuem uma necessidade de acrescer seus conhecimentos sobre o tema, para embasar suas ações de proteção e educação em saúde, de forma que possa ser realizado o diagnóstico precoce, no entanto para melhorar a qualidade do cuidado, faz-se necessária a realização de capacitações, para que os profissionais consigam realizar um cuidado integral para o paciente e família, de forma a melhorar a qualidade de vida de ambos.
Publicado
2020-10-06
Como Citar
FEIFER, Gabrielle Palma et al. CUIDADOS DE ENFERMAGEM A PESSOA COM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA: REVISÃO DE LITERATURA. REVISTA UNINGÁ, [S.l.], v. 57, n. 3, p. 60-70, out. 2020. ISSN 2318-0579. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uninga/article/view/2968>. Acesso em: 21 out. 2020.
Seção
Artigos