DIMENSÕES ASSOCIADAS A SÍNDROME DE BURNOUT EM PROFESSORES: UMA ANÁLISE CRÍTICA

Resumo

A Síndrome de Burnout pode ser definida como um esgotamento, cujo os profissionais da educação estão entre a categoria mais afetada. Objetivou analisar as dimensões associadas à Síndrome de Burnout em docentes, de uma escola pública, em um município localizado em Minas Gerais. Apresentou como metodologia de estudo a abordagem quantitativa, do tipo pesquisa de campo. A coleta de dados ocorreu por meio da aplicação de um questionário adaptado a partir de Maslach & Jackson (1981) seguido de análise dos dados pelas dimensões: Exaustão Emocional, Despersonalização e Falta de Realização Pessoal no Trabalho. Dentre os resultados obteve que quanto a primeira dimensão o item que se destacou foi o esgotamento, na segunda dimensão foi a insensibilidade e a terceira dimensão, apontou para a satisfação pessoal no exercício da docência, apesar das dificuldades apontadas. Conclui-se que apesar da exaustão emocional e da despersonalização, a satisfação profissional ainda é frequente no exercício docente.
Publicado
2020-10-28
Como Citar
MOREIRA, Kellen Campos Castro; MAGALHÃES, Nilva Rosa da Silva; DE ARAÚJO, Mariselena Martins Silva. DIMENSÕES ASSOCIADAS A SÍNDROME DE BURNOUT EM PROFESSORES: UMA ANÁLISE CRÍTICA. REVISTA UNINGÁ REVIEW, [S.l.], v. 35, p. eRUR3220, out. 2020. ISSN 2178-2571. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uningareviews/article/view/3220>. Acesso em: 23 nov. 2020.
Seção
3º Seção: Ciências Sociais e Humanas