SUSPEITA DE INTOXICAÇÃO POR COBRE EM CABRA: RELATO DE CASO

  • ELOISA MARTINELI GALUCH
  • JULIANA MASSITEL CURTI

Resumo

O Cobre (Cu) é um microelemento considerado essencial e tóxico para o animal, essa toxidade varia de acordo com a espécie ruminante, sendo os pequenos ruminantes os mais sensíveis.  Muitos produtores empregam uma dieta mineral de bovinos para caprinos, desencadeando distúrbios metabólicos como a intoxicação por cobre. O quadro clínico de intoxicação se baseia em um quadro agudo, caracterizado por gastroenterite e um quadro crônico, caracterizado pelo acúmulo gradativo de cobre em tecidos, principalmente no fígado gerando um quadro hemolítico e nefropatia. O objetivo do presente trabalho foi relatar um caso de suspeita de intoxicação por cobre em caprino. Foi realizado atendimento a um caprino, fêmea, 3 anos de idade, com 48kg apresentando como queixa principal diarreia e apatia. Durante a anamnese o proprietário relatou que fornecia sal mineral de bovinos para o animal.  Ao exame físico geral foi possível observar taquicardia, taquipneia, atonia ruminal, 39,6 ºC, mucosa ocular congesta e TPC 3’’, além de evidenciar desidratação de 10%.  De acordo com a anamnese e os sinais clínicos, a suspeita inicial foi de intoxicação por cobre. Para a confirmação da suspeita a colheita de sangue foi realizada para hemograma e mensuração de cobre no soro. No hemograma detectou-se anemia grave, VG=10%, e devido a hemólise não foi possível realizar a mensuração do cobre. O tratamento inicial instituído foi a fluidoterapia com solução de Ringer com Lactato.  Após a realização da fluidoterapia observou-se hemoglobinúria em pequena quantidade. O animal desenvolveu um quadro de insuficiência renal aguda (IRA) devido a hemólise intravascular grave, e não produziu mais urina durante a fluidoterapia. Optou-se então pela administração de furosemida, após 1 hora sem produção de urina uma nova administração foi realizada, porém com insucesso novamente. Devido a insuficiência renal aguda e a intensa hemólise intravascular o animal desenvolveu edema pulmonar e em membros, e o proprietário optou pela eutanásia. É importante orientar os produtores de pequenos ruminantes para não ofertar sal mineral de bovinos, devido a necessidade de cobre ser diferente entre as espécies, favorecendo a intoxicação.
Publicado
2019-09-24
Como Citar
GALUCH, ELOISA MARTINELI; CURTI, JULIANA MASSITEL. SUSPEITA DE INTOXICAÇÃO POR COBRE EM CABRA: RELATO DE CASO. REVISTA UNINGÁ REVIEW, [S.l.], v. 34, n. S1, p. 43, set. 2019. ISSN 2178-2571. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uningareviews/article/view/3105>. Acesso em: 20 out. 2019.