METANÁLISE DAS ESTIMATIVAS DE HERDABILIDADE DA PRODUÇÃO DE LEITE AOS 305 DIAS E NA PRIMEIRA LACTAÇÃO

  • GIOVANA MILENA FERRARINI
  • GUSTAVO CIVIDINI
  • GUSTAVO FERNANDES MAFRA
  • ISAAC ROMANI

Resumo

O Brasil ocupa o quarto lugar como maior produtor leiteiro no mundo. Sendo essa uma atividade cada vez mais competitiva, é importante buscar ganhos efetivos na quantidade e qualidade do leite produzido. O melhoramento genético do gado leiteiro tem papel fundamental, pois a produção de leite na 1º lactação e aos 305 dias dependem do potencial genético do animal e do ambiente. É indispensável o controle do acompanhamento da genética dos rebanhos, sendo este realizado pelo levantamento de dados e sua análise para obtenção de coeficientes genéticos, como por exemplo a herdabilidade. Este coeficiente expressa a relação entre a variância genotípica e fenotípica, e seu valor indica se uma característica é passível ou não à seleção direta. Existem inúmeros trabalhos na literatura que avaliam a herdabilidade destas características nos quais observa-se diferenças para os valores de herdabilidade. Assim, a realização de uma metanálise destas características para a obtenção de um valor global de referência é de suma importância. Objetivou-se neste estudo, realizar uma metanálise para as herdabilidades de produção de leite na 1º lactação e aos 305 dias. No Google Acadêmico®, com as palavras chave herdabilidade and leite and produção 305 dias or 1º lactação, foram separados para leitura 31 artigos. Destes, foram selecionados 17 trabalhos (2 estimativas), sendo 17 herdabilidades para produção de leite aos 305 dias e 5 herdabilidades para produção de leite na 1º lactação. Os valores das herdabilidade foram extraídos dos artigos e posteriormente analisados pelo software MEDCALC®. O resultado da metanálise para a estimativa de herdabilidade da produção de leite aos 305 dias foi de 0,25±0,004 (0,19 à 0,35) e para produção de leite na 1º lactação foi de 0,28±0,02 (0,16 à 0,35). Conclui-se que ambas estimativas gerais de herdabilidade para as características avaliadas são moderadas, indicando ser possível ganhos genéticos pela seleção. Destaca-se o valor de herdabilidade para produção de leite na 1º lactação, visto que, o primeiro registro de produção de uma vaca é um bom indicador do desempenho total na sua vida produtiva.
Publicado
2019-09-24
Como Citar
FERRARINI, GIOVANA MILENA et al. METANÁLISE DAS ESTIMATIVAS DE HERDABILIDADE DA PRODUÇÃO DE LEITE AOS 305 DIAS E NA PRIMEIRA LACTAÇÃO. REVISTA UNINGÁ REVIEW, [S.l.], v. 34, n. S1, p. 16, set. 2019. ISSN 2178-2571. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uningareviews/article/view/3062>. Acesso em: 20 out. 2019.