GORDURA TRANS: MECANISMOS BIOQUÍMICOS E PATOLOGIAS ASSOCIADAS

  • Caio de Vasconcelos Sarmento Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais (FCMMG)
  • Carolina Tavares de Sousa Vilela Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais (FCMMG)
  • Ana Carolina Veloso Alves Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais (FCMMG)
  • Ana Luiza Pinto Saraiva Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais (FCMMG)
  • Marayra Inês França Coury Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais (FCMMG)

Resumo

Na atualidade, os hábitos alimentares têm se mostrado extremamente prejudiciais ao metabolismo humano com a ingestão cada vez mais relevante de gorduras trans, principalmente pelos jovens. Essas gorduras estão presentes em grandes concentrações e em inúmeros produtos alimentícios como margarinas, sorvetes, biscoitos e frituras. Os prejuízos da elevada ingestão podem ser evidenciados no aumento de doenças cardiovasculares. Assim, o objetivo desse trabalho visa a conceituação da gordura trans e o delineamento de seus efeitos negativos ao corpo. O trabalho torna-se relevante pois pode contribuir para a construção de diretrizes assertivas para guiar a mudança nos costumes alimentares, eliminando a gordura trans da dieta como preconiza a Organização Mundial de Saúde (OMS). A pesquisa tem natureza descritiva, sendo feita a partir de levantamentos de informações em literatura especializada. No início do século XX, por meio da industrialização, descobriu-se um processo para converter óleos líquidos em óleos sólidos e semissólidos com o objetivo de ampliar seu prazo de validade. Dessa forma, através da hidrogenação parcial, houve a formação da gordura trans que consiste em um ácido graxo insaturado, com pelo menos uma ligação dupla na posição trans. Assim, com o aumento do consumo os efeitos deletérios dessa ingestão são variados, como doenças cardiovasculares, aumento da porcentagem de tecido adiposo no corpo, obesidade. Há estudos que mostram, também, sua associação com diabetes mellitus, depressão, infertilidade e crescimento tumoral.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##
Graduanda em Medicina da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais.
##submission.authorWithAffiliation##
Graduanda em Medicina da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais.
##submission.authorWithAffiliation##
Graduanda em Medicina da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais.
##submission.authorWithAffiliation##
Medicina Adulto e Idoso. Mestre em Ensino em Saúde pela Universidade José do Rosário Vellano. Professora Coordenadora da Disciplina Integração Curricular da Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais.
Publicado
2020-06-30
Como Citar
SARMENTO, Caio de Vasconcelos et al. GORDURA TRANS: MECANISMOS BIOQUÍMICOS E PATOLOGIAS ASSOCIADAS. REVISTA UNINGÁ, [S.l.], v. 57, n. 2, p. 63-82, jun. 2020. ISSN 2318-0579. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uninga/article/view/3464>. Acesso em: 07 ago. 2020.
Seção
Artigos