ANESTESIA PERIDURAL EM CIRURGIA TORÁCICA, PÓS HEMOTÓRAX TRAUMÁTICO: UM RELATO DE CASO

  • Hugo Delaqua
  • Fernanda Lopes

Resumo

RESUMO
 
O trauma torácico é uma das principais lesões nos pacientes atendidos nos prontos-socorros, presente em até 30% dos casos e representando cerca de 20% das mortes decorrentes de traumatismos, de tórax podem ser assistidos adequadamente apenas com suporte ventilatório, analgesia e drenagem de tórax. O trabalho teve como objetivo analisar o perfil de um paciente vítima de trauma torácico com necessidade de toracotomia associada a anestesia peridural. O presente relato de caso refere-se a um paciente internado aos cuidados da Cirurgia Torácica associado ao procedimento cirúrgico juntamente com a Equipe de Anestesistas do Hospital Norte do Paraná - HONPAR, no mês de outubro/2017. Paciente E.R.M, 36 anos, classificado como grau 2 pelos critérios de ASA, por tabagismo. Deu entrada no Pronto Socorro do HONPAR no dia 10/09/2017, após queda de aproximadamente 2 metros de altura (SIC), retornou ao Pronto Socorro, com queixa de dor intensa no local que piora durante o movimento, febre que iniciou após o primeiro dia de fratura, dispnéia de moderada intensidade. Inapetência e emagrecimento. Foi realizado novo raio-x de tórax derrame pleural e indicado drenagem de tórax. Paciente encaminhado para toracotomia de urgência. Esta modalidade anestésica utilizada com mais frequência em cirurgias torácicas e por muito tempo foi considerada a melhor opção para controle da dor. Além de analgesia eficaz, o bloqueio peridural alto atenua a resposta ao estresse cirúrgico e promove a manutenção favorável da homeostase com melhores desfecho. Como as complicações são de baixa incidência e de difícil quantificação, o perfil de segurança da anestesia peridural ainda não foi completamente elucidado. Dessa forma, a indicação do bloqueio peridural deve ser individualizada, até que mais estudos sejam realizados.
 
Palavras-Chaves: trauma de tórax, toracotomia, anestesia peridural.
Publicado
2018-12-07
Como Citar
DELAQUA, Hugo; LOPES, Fernanda. ANESTESIA PERIDURAL EM CIRURGIA TORÁCICA, PÓS HEMOTÓRAX TRAUMÁTICO: UM RELATO DE CASO. REVISTA UNINGÁ, [S.l.], v. 55, n. S2, p. 1-9, dez. 2018. ISSN 2318-0579. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uninga/article/view/2592>. Acesso em: 21 set. 2019.