ABORDAGEM AO PÉ DIABETICO: UM RELATO DE CASO

  • JOSIANE MARCIA DE CASTRO
  • MARCELA HOSKEN DA CRUZ MORIMORO
  • JHENIFER LEONICE SILVA DE OLIVEIRA

Resumo

Objetivo: A maioria das amputações não traumáticas em membros inferiores ocorre em pessoas portadoras de diabetes. As amputações geralmente são precedidas por lesões cutâneas, ulceras que podem estender-se á tecidos profundos ocorrendo à perda de sensibilidade. Calçados incorretos, calosidades, dermatoses comuns e manipulações incorretas dos pés podem levar á lesões e possíveis complicações. A partir do caso clínico desenvolvido notou-se a importância do acompanhamento durante a prestação da assistência primaria para os portadores de Diabetes Mellitus.  Onde o enfermeiro possui um papel importante para o tratamento desses pacientes, sobre tudo na orientação e treinamento para o autocuidado buscando sempre um controle adequado da glicemia para redução de riscos e complicações graves associados à doença como a amputação. O objetivo deste caso clínico e acompanhar a evolução de uma ferida resultante de uma amputação devido à dermatose que progrediu para o comprometimento do tecido levando a necrose, buscando acompanhamento e controle pressórico a fim de promover a cicatrização da ferida. Levantando sempre a importância das boas práticas durante o manuseio da mesma a fim de evitar possíveis infecções e complicações durante o processo de recuperação.

Publicado
2018-03-06
Como Citar
DE CASTRO, JOSIANE MARCIA; MORIMORO, MARCELA HOSKEN DA CRUZ; DE OLIVEIRA, JHENIFER LEONICE SILVA. ABORDAGEM AO PÉ DIABETICO: UM RELATO DE CASO. REVISTA UNINGÁ, [S.l.], v. 55, n. 1, p. 166-176, mar. 2018. ISSN 2318-0579. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uninga/article/view/2111>. Acesso em: 19 nov. 2018.
Seção
Artigos