SÍNDROME DOLOROSA COMPLEXA REGIONAL TIPO I - RELATO DE CASO

  • Bruna Maria Bianchi das Neves UNINGÁ
  • Plinio Rafael Verissimo Thom
  • Luis Eduardo Santa Rosa

Resumo

A Síndrome Dolorosa Complexa Regional tipo 1 (SDCR-1) é uma doença rara, debilitante, de causa não conhecida, geralmente desencadeada após traumas ou cirurgias. Caracteriza-se por alterações vasculares, musculares, esqueléticas e da pele - principalmente nas extremidades. Há ainda incapacidade física e prejuízo psicossocial. O paciente costuma queixar-se de dor desproporcional a causa. O diagnóstico é necessariamente clínico e embora seja difícil e de exclusão, é essencial para que se tenha melhora dos sintomas. O principal objetivo dos tratamentos hoje disponíveis é baseado no alívio da dor e no reestabelecimento da função do membro acometido, apoiando-se em terapia medicamentosa, fisioterapia e apoio psicológico através de equipe multidisciplinar.

Publicado
2018-10-26
Como Citar
BIANCHI DAS NEVES, Bruna Maria; VERISSIMO THOM, Plinio Rafael; SANTA ROSA, Luis Eduardo. SÍNDROME DOLOROSA COMPLEXA REGIONAL TIPO I - RELATO DE CASO. REVISTA UNINGÁ, [S.l.], v. 55, n. 3, p. 35-40, out. 2018. ISSN 2318-0579. Disponível em: <http://revista.uninga.br/index.php/uninga/article/view/2056>. Acesso em: 19 nov. 2018.
Seção
Artigos